fbpx

MENU

MENU

13 3307.5064 | 13 3307.5065

EN PT

Café

AINDA NÃO FOI DESSA VEZ!
17/10/2020

Receba comentários semanais do mercado







Mais uma semana de consolidação, com o high sendo atingido logo na segunda-feira, com o Dez-20 atingindo 113,35 centavos de dólar por libra-peso. Esse movimento levou o mercado a voltar a negociar acima da média-móvel dos 14 dias e a expectativa era se/quando os fundos iriam voltar as compras e levar o mercado para cima da primeira resistência nos 114 centavos de dólar por libra-peso buscando acionar stops e levar os preços no Dez-20 novamente para o patamar dos 116-120 centavos de dólar por libra-peso.

Infelizmente na própria segunda-feira durante o pregão (e nos demais dias da semana), começaram a sair notícias referente previsão de chuvas nas principais áreas produtoras. O mercado reverteu e caiu 480 pontos, com o Dez-20 chegando a negociar @ 108,55 centavos de dólar por libra-peso.

Com a divulgação na terça-feira do “CECAFÉ-Relatório-Mensal-Setembro-2020” informando que o “Brasil bate recorde histórico para o mês com exportação de 3,8 milhões de sacas de café em setembro” o mercado voltou a se animar nos quatro pregões seguintes tentando romper os 111,70 centavos de dólar por libra-peso (os highs do mercado na terça/quarta/quinta e sexta-feira foram respectivamente 111,15 / 111,70 / 111,35 / e 111,10 centavos de dólar por libra-peso). Finalmente o mercado “cansou”, fechando a sexta-feira nas mínimas da semana @ 106.90 centavos de dólar por libra-peso. Novas previsões de chuvas nos próximos 10-15 dias acalmaram o mercado, porém acreditamos que ainda é muito cedo para saber qual o efeito dessas chuvas nas lavouras, se as plantas vão conseguir se recuperar, como será o enchimento dos grãos. Enfim, ainda teremos muitas incertezas durante as próximas semanas/meses.

E para ajudar, na sexta-feira o Real voltou a estressar fechando na máxima da semana @ 5,6435 R$/US$, desvalorizando -2,35% na semana!

A seca realmente assustou muito os produtores e temos muitas incertezas durante as próximas 2 semanas, tanto em relação as chuvas quanto a eleição iminente nos Estados Unidos. Mercado vem especulando sobre o que vai acontecer caso Trump for reeleito e caso Biden seja eleito. Os comentários são dos mais diversos e o que teria mais chance em afetar nosso mercado é: se Biden ganhar o dólar deverá desvalorizar favorecendo as commodities; se Trump for reeleito o dólar continuará forte e as commodities deverão respeitar apenas as leis básica da “oferta x demanda”.

No Brasil a situação fiscal esta deixando os investidores preocupados com risco da volta da inflação e do Banco Central voltar a elevar as taxas de juros já na próxima e última reunião do Cupom em dezembro. Para onde vai o Real? Vai valorizar ou desvalorizar? Vai para os 6-6,50 R$/US$ ou voltará para os 5,00 R$/US$?

Conforme a última publicação da World Weather, Inc. os principais países produtores da América Central, África, Colômbia, Venezuela, Indonésia estão recebendo chuvas favoráveis ao desenvolvimento das lavouras. O principal risco segue sendo no Vietnam onde chuvas torrenciais são esperadas para os próximos dias, já resultando em inundações em algumas áreas porém ainda sem prejudicar as lavouras.

Próximos dias/semanas serão cruciais para nosso mercado! Muitas variáveis na mesa, com o Brasil sendo o principal player a ser monitorado. Como falamos semana passada, ninguém sabe ainda (ou tem condições em estimar) o tamanho da próxima  safra 21/22. Qual será o tamanho da quebra? 5-10-15-20%? Vamos ter geadas no  próximo inverno brasileiro nos meses entre Junho-Agosto 2021?

Então, apenas uma sugestão para próximos dias: CAUTELA! Tomem cuidado!

Talvez a compra de um “Call-Spread” para Set-21 de 120 x 140/150 centavos de dólar por libra-peso seja uma forma de proteção para os produtores que já estão vendidos, ou até mesmo como uma forma de “participar na alta do mercado”. No curto/médio prazo não acreditamos no mercado abaixo dos 100 centavos de dólar por libra-peso (em função das variáveis postas acima). Para quem esta comprado em “Put-Spread” mantenham a posição nos livros como “seguro” mesmo pois ainda teremos dias sombrios a frente!

– Como sempre, cuidado com as operações estruturadas, com os acumuladores, com os “spreads”, com as “posições que podem dobrar”.  

Uma excelente semana a todos!

 

Já estão abertas as inscrições em número limitado para os dois cursos lançados pela Archer Consulting, inteiramente on-line, ao vivo/pré-gravado: um é o Curso Essencial de Futuros em Commodities Agrícolas que vai ocorrer de 23 a 27 de novembro, destinado àqueles que precisam dos conhecimentos essenciais acerca do funcionamento do mercado de commodities; outro é o Curso Avançado de Opções em Commodities Agrícolas, de 30 de novembro a 04 de dezembro. Todos das 17 às 19 horas por meio da plataforma Zoom®, e gravados para posterior revisão. Mais informações no e-mail priscilla@archerconsulting.com.br

Marcelo Fraga Moreira*

*Marcelo Fraga Moreira é um profissional há mais de 30 anos atuando no mercado de commodities agrícolas, escreve este relatório sobre café semanalmente como colaborador da Archer Consulting.

** “Call” = opção de Compra

** “Put” = opção de Venda

** “Compra Call-Spread” = compra e venda simultânea de 2 Opções de Compra comprando a Opção com preço de exercício  mais baixo vendendo a Opção com preço de exercício mais alto);

** “Venda Call-Spread” = venda e compra simultânea 2 Opções de Compra vendendo a Opção com preço de exercício  mais alto e comprando a Opção com preço de exercício mais baixo);

** “Compra Put-Spread” = compra e venda simultânea 2 Opções de Venda comprando a Opção com preço de exercício  mais alto e vendendo a Opção com preço de exercício mais baixo);

** “Venda Put-Spread” = venda e compra simultânea 2 Opções de Venda vendendo a Opção com preço de exercício  mais alto e comprando a Opção com preço de exercício mais baixo);

Saiba mais sobre nossos cursos in company

Confira valores, disponibilidade e datas.

Estou interessado

Café

AINDA NÃO FOI DESSA VEZ!

17/10/2020

ler mais

Açúcar

O OUTRO LADO DA HISTÓRIA

16/10/2020

ler mais

Café

ENQUANTO A CHUVA NÃO VEM!

10/10/2020

ler mais

Receba comentários semanais do mercado